Curaçao – mini guia de praias

13 maio, 2015 16 Comments

Imagine todas as possibilidades de azul e esse azul transitando entre o céu e o mar, pontuado pelo branco de algumas nuvens e da areia. Imagine isso encrustado em pequenas baías protegidas em uma ilha de substrato de coral que filtra a água e praticamente não deixa que a gente perceba a diferença entre estar emerso ou submerso… Ah, Curaçao! Ali tive a oportunidade de ver as praias mais bonitas que já contemplei.kenepachiki-3

Não há dificuldade para o seu dia ser maravilhoso em Curaçao – escolha uma praia e voilà!

Nosso roteiro em Curaçao consistia praticamente de praia todos os dias! Uma diferente por dia e uma ou outra atividade extra o que resultou nesse mini guia de praias :mrgreen:

1o dia – Jan Thiel

No nosso primeiro dia, mesmo tendo finalizado o processo de acomodação e breve descanso já quase no fim da tarde, queríamos muito curtir uma praia. E fomos ver o pôr-do-sol em Jan Thiel. O pôr-do-sol de Curaçao é um espetáculo a parte!

janthiel-2

Jan Thiel é a praia hype de Curaçao, onde a galera jovem gosta de estar. Ali tem os mais badalados beach clubs (Papagaio, Culinay) da ilha e muitas atividades disponíveis (stand up paddle, snorkel, flyboard, passeios de jet ski e lancha, parasail, beach tennis), além de restaurantes, lojas e hotéis.

 

2o dia – Klein Knip ou Kenepa Chiki

A primeira praia da viagem com direito a todos os detalhes da descrição de abertura. Simplesmente de tirar o fôlego e encher os olhos. Azul, quanto azul!

kenepachiki-4

Klein Knip ou Kenepa Chiki é uma praia pública, de acesso gratuito, bem pequenininha, mas que não fica lotada. Há uma pequena estrutura de barracas de palha com mesas de uso gratuito. O bar que existe por ali estava fechado quando fomos, e pelas informações que obtive, ele abre apenas aos fins de semana e não é sempre. A dica é – leve água e comidinhas e muito filtro solar.

O snorkel aqui é de altíssima qualidade, a transparência da água permite uma visibilidade considerável e o paredão que cerca a praia abriga muita vida marinha. A temperatura da água também é perfeita, o que permite ficar por ali boiando por horas.

snorkel-curaçao

A 1km daqui está a praia mais famosa e considerada a mais bonita de Curaçao – Groote Knip ou Kenepa Grandi. O estacionamento fica na parte alta e quando você desce do carro e vem em direção à praia já fica extasiado com a vista do paraíso 🙂

O mirante, estrategicamente posicionado, permite a gente gravar na memória cada tonalidade da cor daquela água que se perde e se mistura com o horizonte. O acesso à praia é feita por uma escada logo atrás da placa de boas-vindas e regras do local.

kenepagrandi-2

A extensão de areia é grande e há uma estrutura constante na praia de bar, barracas e banheiro. Além dos quiosques espalhados pela areia, há muitas árvores com sombras convidativas ao descanso. Assim como sua irmã menor, essa é uma praia pública de acesso gratuito. Aqui não achei o snorkel tão interessante quanto na pequena, mas o mar é uma delícia para banho!

 

3o dia – Cas Abou

Hoje foi dia de Cas Abou. É uma praia particular que se paga $6 por carro (até 4 pessoas) para entrar e funciona das 8h às 18h. Tem uma boa estrutura com bar, banheiros e sombra. As espreguiçadeiras são alugadas à parte, $3 cada. Tão lindo que ficamos o dia inteiro 🙂

O snorkel aqui também foi muito gostoso, água quente, muita variedade de vida marinha, peixinhos coloridos, só diversão.

E não canso de me surpreender com tanta variedade de azul.

casabou-5

 

4o dia – Porto Mari

Mais um dia e mais uma praia diferente e essa ainda mais maravilhosa que as outras! Quando você acha que já viu tudo e que nada mais irá surpreendê-lo, Curaçao te prega uma peça maravilhosa.

portomari-6

Porto Mari (ou Porto Marie) também é uma praia privada, na parte noroeste da ilha, onde ficam as melhores praias daqui. Paga-se $2,50 por pessoa e mais o uso das espreguiçadeiras (se não me engano era $3).

A estrutura aqui é a melhor que achei das praias do norte, além do bar/restaurante, banheiros e sombra, há um centro de mergulho com aluguel de equipamento para snorkel e saídas para mergulhos de cilindro. Para quem gosta de fazer trilhas e caminhadas, há três opções por lá com saídas da área de estacionamento. Aqui fizemos snorkel e o nível de satisfação continuou lá nas alturas 🙂

portomari

Além da ponte super charmosa que adentra a praia e que serve de modelo para fotografias de todo o mundo, há um píer flutuante super disputado. E se você quiser aumentar ainda mais seu nível de relaxamento, aproveite as massagens oferecidas na tenda de massagem ali na areia.

 

5o dia – Mergulho e Seaquarium beach

Nós adoramos mergulhar, como vocês já devem ter notado e claro que separamos um dia em Curaçao para matar nossa fome de mar e cilindro. A sensação de liberdade é tão intensa que tenho certeza que é por isso que vicia :mrgreen:

Na parte da manhã saímos para mergulhar. Usamos o serviço da operadora de mergulho do Scuba Lodge Boutique Hotel que era ao lado do nosso hotel. O pessoal todo foi muito simpático e estava bem treinado, os equipamentos estavam em excelente estado e o melhor, os grupos eram pequenos. No dia anterior deixamos tudo combinado e faríamos um mergulho com duas saídas – uma foi no famoso Tugboat e a outra em Marie Pampoen, onde vimos um peixe sapo! Mais do que aprovado. Pensamos em fazer um mergulho noturno que chegamos a pré-agendar, mas o cansaço foi maior e decidimos deixar para uma próxima oportunidade.

 

De volta do mergulho e depois de comer um sanduíche magnífico no bar do Scuba Lodge Hotel, fomos passar a tarde na praia de Seaquarium.

A praia é particular, custa $3,50 por pessoa. Essa é uma das praias da parte mais ao sul da ilha e sua estrutura de mar é artificial (ela é meio que represada para formar uma piscina). Tem uma estrutura excelente e funciona mais como um beach club. A área de banho mantém uma profundidade relativamente rasa e a cor da água nem de longe lembra o espetáculo das praias do norte.

seaquarium-1

Não gostei dela, tem cara de clube, achei muito cheia e barulhenta. E em termos de visual é até covardia com as demais praias.

Nessa praia, ao lado, fica o Sea Aquarium de Curaçao, mas por questões ideológicas, nós não frequentamos esse tipo de atração.

6o dia – Klein Curaçao

Klein Curaçao é uma ilhazinha onde não mora ninguém que fica a cerca de duas horas de barco de Curaçao. Lá é onde as tartarugas marinhas vão se alimentar.

Para chegar lá você precisa reservar um dia inteiro. Existem duas empresas que te levam – a Mermaid Boat Trips, que tem uma estrutura de barco mais fechada e conta com uma área de restaurante privativo na ilha onde eles servem o almoço para os passageiros e a Bounty Adventures, que viaja num catamarã onde acontecem todos os serviços.

Nós fomos de Bounty por $98 por pessoa incluídos aí o passeio, um lanche no embarque, almoço, bebidas e equipamento para snorkel.

kleincuracao-2

Esse passeio é maravilhoso, mas pode ser detestável se você é o tipo de pessoa que enjoa no mar. O barco bate muito, quando fomos choveu durante todo o trajeto, muita gente passou mal e quase todos ficaram ensopados e com frio porque o catamarã não tem espaço fechado que comporte a todos. Se você não consegue se divertir depois de passar por uma situação assim, pense bem antes de ir a Klein Curaçao.

No caminho, vários golfinhos saltando e se exibindo para nos desejar um bom dia 🙂

Chegando em Klein Curaçao, desembarcamos na ilha de bote que nos levou até a praia e logo entramos na água, procurando as tartarugas. E elas apareceram <3

———————————— Olha aqui um filminho!! ————————————————–

Uma pena que tive que brigar com várias pessoas porque elas estavam pegando e segurando as tartarugas. Fiquei arrasada.

kleincuracao-4

Saí da água e fui para a praia caminhar um pouco e conhecer o resto da ilha. A Bounty tem uma cabana de palha que os passageiros podem utilizar para deixar suas coisas e aproveitar a sombra (super escassa por ali).

kleincuracao-3

O lugar é mesmo muito agradável e bonito. Com uma paisagem árida voltada para o interior da ilha, algumas atrações em terra que existem são a vila de pescadores abandonada, o farol e os destroços de dois navios que você pode alcançar com uma caminhada de 20 minutos ao longo das calçadas que dão acesso a partir da praia. Ao retornarmos, já era hora do almoço, que fizemos dentro do barco e depois tivemos a oportunidade de dar mais um mergulho antes de voltar para Curaçao.

kleincuracao-5

No caminho de volta, peixes voadores nos acompanharam ao longo de todo o trajeto e ainda pegamos um pôr-do-sol memorável chegando na baía de Jan Thiel.

Nós adoramos, mas é o tipo de passeio que não é mesmo para qualquer pessoa. Vá apenas se você tem um espírito aventureiro, gosta de natureza e rusticidade.

tartaruga marinha em Klein Curaçao

 

Leia mais sobre Curaçao:

Hotel no paraíso – BijBlauw, Curaçao

Curaçao – 5 top dicas para organizar sua viagem

 

Para mais fotos, siga a hashtag #EnsaiosEmCuraçao

 

Siga o Ensaios de Viagem no Instagram: @ensaiosdeviagem

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/ensaiosdeviagem

 

Camilla Kafino

16 Comments

  1. Responder

    Aninha Lima

    28 fev, 2017

    Curti demais seu post! Pelo q tenho visto de Aruba, Curacao tem a agua mais azul, né?

    Responder

  2. Responder

    angela sant anna

    26 fev, 2017

    que nomes bonitinhosss keepa chiki <3 todas as praias maravilhosas, que azul incrível! quero muuuito conhecer!

    Responder

  3. Responder

    Fábio Junior Alves

    25 fev, 2017

    Curaçao é a próxima na minha lista das Ilhas ABC, acabamos de voltar de Aruba e seu post me deixou morrendo de vontade de pegar o próximo avião para o Caribe!!!

    Responder

  4. Responder

    Carolina Belo

    25 fev, 2017

    Oi Camilla!!!
    Iria “me fazer” em Klein Knip. Não só porque ela é de graça (ha ha ha ha), mas também por conta da vida marinha. Adoro!!!
    As outras praias são lindas também, claro!!!
    Beijos
    Carolina

    Responder

  5. Responder

    Mariana Aguirre

    24 fev, 2017

    Esse post deveria vir com um warning! Passei mal aqui de tanta praia deslumbrante. Cada lugar incrível. Adorei o guia das praias e espero poder aproveitar essas praias maravilhosas em breve 🙂

    Responder

  6. Responder

    Viajante Comum

    23 fev, 2017

    Deus do céu! Terei que visitar todas! Que lindezas! Qual seria seu top 3 num roteiro mais curtinho?

    Responder

  7. Responder

    Marina Heimer

    23 fev, 2017

    Aquele momento que a gente pensa: ainda bem que não preciso palpitar sobre a mais bonita, né? Hahah… Jamais conseguiria escolher! Acho que, ao final de tudo, a grande dica que você nos deu – ainda que sem perceber – foi mesmo fazer um roteiro “folgado”, sem pressa. Só assim pra conseguir desfrutar com qualidade de todos esses paraísos que você nos apresentou! Tá anotado. 🙂

    Responder

  8. Responder

    Ruthia Portelinha

    23 fev, 2017

    Curti muito as suas tentativas de descrever as várias tonalidades de azul. Nem precisava, basta ficar aqui pasmado em frente às suas fotos lindas.
    Que é isso de pegar nas pobres tartarugas? Não tem avisos de que é proibido? Fez bem em reclamar com essa gente sem noção. Muito triste.
    Lindo o seu roteiro de praias.
    Abraço

    Responder

  9. Responder

    Francisco Piazenski

    23 fev, 2017

    Adorei o post, com muitas dicas de praias em Curaçao, cada uma mais linda que a outra! Parabéns!

    Responder

  10. Responder

    Oscar | www.viajoteca.com

    23 fev, 2017

    Blue Curaçao!!!
    Bem quando se referem ao drink realmente a cor foi inspirada na cor do mar e seus vários tons de azul. Quando tiver a oportunidade de conhecer, venho aqui de novo me interar novamente das dicas.

    Bjs e parabéns pelo filhote.. Cada dia mais lindo!!!

    Responder

  11. Responder

    Leo Vidal

    23 fev, 2017

    Nossa Camila, que fotos incríveis! Vontade de se teletransportar para lá agora. Curaçao deve ser linda. Como é feito o deslocamento entre essas praias?

    Responder

    fevereiro 27th, 2017
    Camilla

    Oi Leo,
    nós estávamos de carro. Acho que é a melhor forma de se locomover em Curaçao.
    Obrigada pela visita e um beijo,
    Camilla

    Responder

  12. Responder

    Alexandra Pozes Joia de Souza

    11 nov, 2016

    Nossa que azul é esse. Eu q sou louca por praia, já coloquei o roteiro na lista.

    Responder

    novembro 12th, 2016
    Camilla

    Oi Alexandra,
    como não enlouquecer com esse azul??? ainda mais pra quem ama praia! certeza que você vai se apaixonar por Curaçao.
    Obrigada pela visita, um beijo e volte sempre,

    Camilla

    Responder

  13. Responder

    Marcia

    14 maio, 2015

    Ótimas dicas! Quero muito conhecer Curaçao, mas não sabia que algumas praias são particulares. Frequentaria só as públicas, não acredito na privatização de bens públicos como uma praia. Onde moro há isso e não frequento, exemplo Beach Park. Enfim… Isso não tira o mérito de Curaçao. Sempre bom lembrar que não devemos incomodar os animais em seu habitat, já basta o que sofrem. Adorei o post. 😉

    Responder

    maio 14th, 2015
    Camilla

    Oi Márcia,

    realmente fora do Brasil os costumes são um pouco diferentes e é muito comum a existência de praias particulares.
    Muito obrigada pela visita, volte sempre.
    um beijo,

    Camilla

    Responder

LEAVE A COMMENT

RELATED POSTS